AGORA TAMBÉM TRADUZIDO PARA INGLÊS E FRANCÊS

Espiritism&AllanKardec

S'il vous plâit, en cas de doute, écrivez à:
Please, if in doubt, write to:

silmaragarcia@br2001.com.br



V I S U A L I Z A Ç Õ E S

27.000

Congratulations for this blog

Congratulations for this blog
Trabalhadores da Paz

quarta-feira, 14 de novembro de 2012

AFINIDADE E SINTONIA

Fonte de consulta o Livro Leis Morais da Vida psicografia de Divaldo Pereira Franco/Espírito Joanna de Ângelis
Ao adentramos em uma Casa Religiosa para ouvir alguma mensagem de luz certamente  estamos todos na mesma frequência de luz, amor e amparo. Em busca de respostas, soluções e sem sombra de dúvida levarmos uma vida mais feliz!
Todos nós estamos em uma mesma sintonia, mesmo aqueles que chegam aparentemente distantes  vão paulatinamente  recebendo as ondas mentais que encontram neste ambiente. Motivo pelo qual logo ao chegarmos já vamos nos sentindo melhores.
Isto funciona quando um número de pessoas se reúnem com uma mesma finalidade para um ideal comum. Principalmente em casas religiosas onde a espiritualidade já prepara o ambiente para manter um padrão elevado.
Joanna de Angelis chama isto de fenômeno natural-inconsciente.
Já a afinidade permanece em pontuações diferentes das irradiações mentais, o homem tem semelhantes vontades e opiniões sobre as mais diversas ocorrências da vida.
Na lei da afinidade as atrações se perpetuam à medida que os valores e costumes se assemelham.
LEI DA ATRAÇÃO
Nunca a mídia falou tanto da lei da atração como quando do lançamento do livro O Segredo da autora Rhonda Byrne. Que veio justamente trazer o que o espiritismo já trás há 150 anos; Somos aquilo que pensamos e atraímos aquilo que queremos desde que estejamos sintonizados de  forma harmoniosa, ou seja, desde que estejamos agindo de acordo com as Leis Morais da Vida.
E todos nós sabemos quando estamos agindo de acordo com as Leis de Deus, que são imutáveis e estão quase que intrínsecas em nós. Quanto maior a maturidade do indivíduo mais ele atinge a razão e a compreensão do bem e do mal. 
ENERGIA
Todos nós temos uma força intensa dentro de nós que emana energia cósmica, todos os ambientes que frequentamos recebe nossa energia.
Recebemos e emitimos ondas de energia boas e não tão boas o tempo todo, onde quer que nos encontremos.
 
ESPIRITUALIDADE
O mesmo ocorre com os espíritos. Eles são atraídos por sintonia e afinidade.
Sabemos que nossos amigos espirituais compartilham de nossa jornada o tempo todo e depende de nós o tipo de companheiro invisível que se aproxima de mim.
Obsessores
É comum nos recebermos no “Plantão de Orientação” de uma Casa espírita pessoas que se dizem obsediadas por este ou aquele espírito! Alguns até já pontuam seus acompanhantes como sendo espíritos malignos.
Mas o que precisamos entender é que nós é que atraímos este ou aquele espírito para junto de nós através de nossos pensamentos que emitem vibrações boas ou más sintonizando-se ao grupo igual.
VÍTIMAS
Existe também um grupo de pessoa que estão sempre prontas a se vitimarem diante de fatos que ocorrem em suas vidas. Pontuam tais ocorrências como sendo provas duras e difíceis. Ledo engano! Todo e qualquer desafio que a vida se nos propõe é senão para nosso crescimento individual e somente através da sintonia com o bem maior e que haveremos de atravessar todo e qualquer abismo que se colocar à nossa frente.
PRECE
Não há lenitivo melhor para entrarmos em uma boa sintonia do que recorrermos à Jesus em prece. Rogando ao divino Mestre amparo e força para que possamos superar nossas dificuldades.
DOR E AFINIDADE
Quando estamos em profundo desalinho com a vida e estamos atravessando um momento de  dor e não conseguimos nos harmonizar é evidente que haveremos de nos sintonizar com o grupo na mesma onda.
É comum estarmos em um consultório médico e sem o menor constrangimento todos começam a lamentar de suas doenças sem sequer conhecer uns aos outros iniciam a conversa pela afinidade em que se encontram.
NO MUNDO MAIOR
André Luiz no seu livro “No mundo Maior” ele sinaliza que chegamos a manifestar em nosso físico doenças que inicialmente plasmamos em nossa psiquê. Faz a citação de vermes mentais que o ser vai criando paulatinamente por não higienizar-se vez ou outra e manter momentos de lucidez.
São, segundo Joanna de Ângelis, fenômenos inconscientes decorrentes dos hábitos mentais assumidos pelo indivíduo no decorrer de sua jornada.
DOENÇAS
Existem doenças, que a ciência já provou, serem decorrentes de uma série de más ações do próprio homem.
Quantas vezes a mídia tem mostrado que o homem para estar pleno de saúde precisa estar em harmonia com o meio em que vive psico-sócio-espiritual. Não há mais como separarmos as coisas. Todos os dias os cientistas descobrem aquilo que nossos amigos espirituais já nos disseram: Se faz necessário harmonia do ser espiritual para a saúde do ser material!
Quem de nós já não sentiu uma dor de cabeça ou um queimar do estômago à um aborrecimento, raiva ou mágoa no decorrer de uma ou outra situação?
É a sintonia de nosso “rádio” mental que entra em atrito com o meio em que vive e atinge as células de seu corpo muitas vezes de forma destrutiva podendo levar até a um câncer.
AFINIDADE
Não há dúvida que quando chegamos neste planeta Terra já temos um grupo familiar nos aguardando. Tudo acordado no plano maior.
Sabemos que no ambiente familiar muitos se unem por laços de afeto advindo de muitas outras experiências carnais e outros se achegam a nós com uma série de dificuldades – aquele nosso parente mais difícil – um irmão, um companheiro, um filho, ou seja, na família existirá sempre espíritos que nos serão afins mas sem sombra de dúvida haverá aquele que nos ensinará a paciência, a tolerância e a complascência justamente por estar em uma outra sintonia ou sem qualquer afinidade.
PORQUE ANTIPATIA
Assim como existem pessoas que nos simpatizamos logo que a encontramos também existem aquelas que so de olharmos já não nos agrada.
Esta aí a lei da afinidade e sintonia.
Não há como separar, não há como, em um planeta de provas e expiações mantermo-nos com pessoas que nos agrada, que nos é afins.É justamente a diferença entre os seres que fará com que cada um exercite uma série de virtudes à serem conquistadas como paciência, tolerância, compaixão e outras tantas que alavancará a jornada do ser como espírito.           
CHICO XAVIER
Certa ocasião, em Pedro Leopoldo, Chico estava recebendo uma senhora  que dizia não aguentar mais conviver com seu marido porque desde que casaram eles tinham inúmeras diferenças e antigamente os casais não se separavam... a mulher separada era mal vista quando tomava esta atitude...
Chico recomendou a senhora o Evangelho no Lar. Passaram-se 6 meses a senhora o procurou dizendo que havia se separado mas estaria ela sentindo muita falta do marido e que iria voltar para ele. Chico recomendou então a reconciliação...
Duas semana após o casal vai de encontro ao Chico e relatam que ambos eram muito teimosos mas que no decorrer da vida acostumaram-se com os defeitos um do outro e na separação sentiam falta até das brigas que se fazia presente no seu dia a dia mas que agora estariam dispostos a recomeçar, após 30 anos de casamento em desarmonia.
Chico, estranhando a dificuldade do casal pede explicação para seu mentor Emmanuel que explica que todos estão aqui para melhorarem suas questões de afinidade e sintonia pois o fim de cada um de nós é somente o amor.        
JESUS
Todos nós sabemos do esforço maior do mestre Jesus em trazer para nossa vida a ordem e o respeito ás leis de Deus. Sabemos de todo seu martírio diante do mundo  em que se encontrava mas conseguiu vencer a tudo e a todos e até hoje sua mensagem é lembrada entre todos os cristãos.
Não há mais como duvidar daquilo que o espiritismo recomenda que estejamos em sintonia no amor para que um dia possamos todos estamos juntos em uma mesma onda de luz!    

Muito obrigada por sua atenção.
 Paz e Luz a todos!

Nenhum comentário:

Postar um comentário